Tomates Pelados Italianos

Descrição:

Categoria:
Produtos Especiais

Trata-se de um produto versátil e prático, que não pode faltar na dispensa. Como já é pré-cozido, em minutos se faz com ele um delicioso molho com sabor de tomate fresco e personalizado com aromas caseiros, já que vem sem tempero.

Os tomates pelados são italianos, criados no século 19, décadas após a descoberta, em 1809, pelo francês Nicolas Appert, do método de conservação de alimentos por tratamento térmico em potes de vidro fechados. A apertização, como foi batizada, foi aperfeiçoada em 1810 pelo inglês Peter Durand com a criação da lata revestida de estanho, mais resistente ao aquecimento. Logo havia muitas indústrias de tomate em conserva na Itália. A apertização tem a vantagem de dispensar conservantes. Os pomodori pelati, ou simplesmente pelati, chegaram ao Brasil no anos 1990 com a abertura das exportações. Antes, só eram encontrados em mercearias de produtos finos, com preços elevados.

No Buona Gente você encontra os verdadeiros tomates pelados italianos!

A diferença entre o importado e o nacional é que o italiano utiliza, por lei, variedades de frutos alongados, tido como o melhor para se fazer pelado. Eles têm ainda tonalidade vermelha forte e menos sementes, são mais doces, carnudos e firmes. Por serem mais resistentes, são colhidos bem maduros, o que os deixa saborosos e adocicados. Não há exigência quanto aos tipos de tomate no Brasil, que podem ser mais frágeis e menos saborosos; por isso é comum a adição de agente de firmeza (cloreto de cálcio) e acidulante (ácido cítrico). Já o produto italiano leva somente tomate e suco de tomate natural. O pelado pode ser usado em molhos, risotos, recheios, ensopados e peixadas.